Como atrair e selecionar talentos com o perfil da empresa?

Como atrair e selecionar talentos com o perfil da empresa?

Cada vez mais competitivo, o mercado tem exigido das empresas o máximo de produtividade e eficiência para manterem-se ativas. Para isso, investimentos em tecnologia, infraestrutura e métodos administrativos são importantes, mas selecionar talentos com o perfil certo — e mantê-los — talvez seja o grande diferencial a ser buscado.

Isso porque encontrar profissionais especializados, que compartilham os valores da organização, está a tornar-se difícil. Afinal, muitos têm optado por serem freelancers e a competição entre empresas abrange, também, o capital humano. Nesse cenário, ao mesmo tempo em que a mão de obra qualificada está escassa, perder bons funcionários após capacitá-los pode representar prejuízos enormes.

Por isso, neste post, trouxemos algumas dicas para que o seu processo seletivo seja mais eficiente na captação de talentos com o perfil da empresa, melhorando a produtividade da equipe e aumentando a probabilidade de sua permanência. Confira!

 

Como definir o perfil da empresa e o que esperar dos candidatos?

 

Antes de tudo, é preciso entender o que queremos dizer quando chamamos um profissional de “talento”. Utilizamos essa alcunha para designar um funcionário que traga algo novo, alinhado aos valores corporativos, e ajude a empresa a alcançar os objetivos definidos pela gestão.

Portanto, quando dizemos “talento”, estamos a falar da “pessoa certa, no lugar certo”. Assim, é o profissional com as características necessárias para suprir uma demanda da organização, consertando ou aprimorando determinados processos que representam gargalos produtivos.

Ou seja, é preciso ter bem definidas as metas que se quer alcançar antes de pensar em publicar uma vaga de emprego. Por outro lado, deve-se entender como a empresa se coloca em relação aos stakeholders — e à sociedade na totalidade — para contratar um candidato com mentalidade e postura compatíveis.

Falando em uma linguagem mais específica da área de administração de empresas, é necessário ter clareza quanto aos Valores, à Missão e à Visão da companhia. Esses são os três pilares básicos que compõem o perfil corporativo.

Esses três eixos principais da formação do perfil corporativo devem ser decididos pelo corpo de gestão e estarem de acordo com a história e o posicionamento da empresa no mercado. Após definidos, será possível, ao departamento de recursos humanos, direcionar esforços e planejar o processo de recrutamento e seleção para atrair candidaturas compatíveis com essas características.

Portanto, tornar os procedimentos seletivos mais precisos é uma das mais importantes ações de um RH eficiente. Para ajudar você nessa tarefa, listamos algumas dicas preciosas no próximo tópico. Não deixe de ler!

 

O que fazer para selecionar os talentos ideais para as demandas da empresa?

 

Atrair e reter talentos na empresa têm se tornado uma preocupação dos departamentos de RH modernos. Pois, como já vimos, o capital humano fará cada vez mais diferença em um mercado que não para de acirrar a sua competitividade.

Nesse cenário, é importante que os gestores ou responsáveis pelo recrutamento e seleção tomem uma postura proativa na busca de perfis compatíveis aos ideais corporativos. Para isso, elaborar um processo seletivo eficaz é essencial. Veja, a seguir, as nossas dicas para atrair os profissionais certos para as necessidades da sua empresa!

 

Faça uma descrição específica da vaga

 

Para atrair candidaturas próximas aos ideais da empresa, é bom detalhar a vaga anunciada para filtrar quem realmente tem o interesse e as características necessárias. As informações mais importantes dão conta dos conhecimentos necessários (como formação, cursos e experiência), das atribuições e do que se espera de posicionamento e perfil.

Ainda, é recomendável que a descrição conte um pouco sobre a equipe e o ambiente de trabalho, além de justificar cada requisito. Assim é possível demonstrar, a quem procura uma colocação, como eles são importantes e que não adianta mentir no currículo, já que o trabalho dependerá das habilidades solicitadas.

 

Informe os diferenciais da empresa

 

Os novos talentos estão tão preocupados com sucesso financeiro quanto com qualidade de vida. Por isso, é importante destacar os diferenciais de sua empresa, que possam oferecer aos colaboradores satisfação profissional e realização pessoal.

Facilidade de acesso, responsabilidade social e ambiental, benefícios trabalhistas, objetivos corporativos e colocação no mercado são alguns dos diferenciais mais procurados. Essas informações podem ser o que desequilibrará a balança para o seu lado, no momento em que o candidato considerado ideal tiver de escolher qual proposta aceitar.

 

Utilize a tecnologia no processo de seleção

 

A tecnologia está aí para auxiliar as tarefas do dia a dia, inclusive na gestão de pessoas. RH digital é o modo como especialistas têm chamado o departamento de recursos humanos que investe em soluções digitais para tornar-se mais eficiente. Um dos processos que podem ser aprimorados pela tecnologia é o de recrutamento e seleção.

Atualmente, há uma série de softwares que podem ser usados em entrevistas, dinâmicas e escolha de currículos como aplicativos de videochamadas, jogos eletrônicos e questionários online de análise de perfis. Certamente, não dá para se basear somente nessas informações. Porém, são ferramentas que ajudam a peneirar as candidaturas e conhecer mais a fundo cada interessado.

 

Invista em capacitação e especialização

 

Investir em capacitação é uma boa forma, não só de aumentar a produtividade por meio da especialização dos colaboradores, mas também, de valorizar quem faz parte de sua equipe. Afinal, nenhuma empresa gasta com a educação de uma pessoa com a qual ela pretende rescindir o contrato.

Assim, os funcionários se sentem mais seguros e têm a certeza de que os seus esforços estão a ser reconhecidos, ao mesmo tempo, em que o seu trabalho se torna mais apurado.

 

Ofereça oportunidades de crescimento profissional

 

Oferecer um plano de carreira traz os objetivos profissionais dos seus funcionários para dentro da organização. Além disso, incentiva o esforço individual ao reduzir a influência de indicações, já que o mérito é a única condição para a promoção. Assim, tanto a entrada como a permanência na empresa são mais valorizadas, pois os trabalhadores sabem que serão reconhecidos.

Contar com uma equipe especializada, com profissionais alinhados ao perfil da empresa, como vimos, é fundamental para mantê-la competitiva no mercado atual. Por isso, o setor de RH deve estar preparado para selecionar talentos, priorizando no recrutamento as candidaturas mais capacitadas e compatíveis com a visão, a missão e os valores da organização.

Nossas dicas foram úteis para você? Quer saber mais sobre como melhorar o seu departamento? Então aproveite para conhecer essas quatro soluções para um RH mais eficiente!

Comentários

Cadastre-se e receba nossas novidades