Fechadura inteligente só traz vantagens para segurança da casa

Fechadura inteligente só traz vantagens para segurança da casa

A fechadura inteligente (ou smartlock) é um item que faz parte de boa parte das novas casas norte americanas e europeias. Com excelente custo-benefício, o dispositivo é a última fronteira da Internet das Coisas (IoT) que aos poucos começa a ganhar adesão aqui no Brasil. A Control iD, líder no mercado de controladores de acesso e relógios de ponto, se prepara para lançar sua linha de smartlocks.

Em que consiste uma fechadura inteligente eletrônica?

Basicamente, trata-se de uma fechadura “normal”, que é facilmente instalada na porta da casa ou do estabelecimento comercial. O que a diferencia das demais fechaduras é a forma de acesso.

Em vez de chaves, há diversas  outras formas de acesso, bem mais seguranças e práticas.

Alguns modelos, por exemplo, permitem a integração com o telefone celular, via bluetooth ou wifi. Assim, basta se aproximar da porta que ela abre sozinha.

Esqueceu o celular ou o telefone descarregou?

Não tem problema. Algumas fechaduras inteligentes também possuem teclados para digitação de senhas ou permitem a colocação de uma chave “normal” para que a porta possa abrir. A identificação biométrica, naturalmente, também se faz presente entre as opções.

E já que estamos falando de IoT, é possível sincronizar a fechadura eletrônica com outros itens da casa, como a iluminação e os eletroeletrônicos. Desta forma, basta entrar na residência para que as luzes de acesso ao interior da casa sejam acesas ou o gás seja acionado para começar a esquentar a água do chuveiro.

Também há modelos compatíveis com os assistentes pessoais virtuais, como a Alexa. Assim, seu assistente também pode mandar abrir e fechar a porta, de acordo com os seus comandos.

Fechadura inteligente: a tecnologia pode mais ainda.

As smartlocks são capazes de gerar códigos específicos de entrada para que você “empreste” a algumas pessoas, como prestadores de serviço ou convidados para uma festa. Os códigos também podem ser removidos, de maneira rápida e intuitiva.

É óbvio que são necessários alguns cuidados. Fechaduras eletrônicas podem ser programadas a trancar a porta automaticamente quando o usuário deixa a residência. Outra necessidade é programar o sistema para detecção de sinistros ou situações de pânico, como uma tentativa de assalto. Para isso, basta programar um comando específico relacionada a algum sistema de monitoramento.

De todo modo, não há dúvidas de que as smartlocks são mais eficientes que as chaves convencionais, que podem ser perdidas, clonadas ou precisam ser trocadas a cada mudança de morador.

Lançamento

É por isso que a Control iD decidiu incluir este item em seu catálogo de dispositivos, já composto por modernos e seguros controladores de acesso, catracas, torniquetes inteligentes, leitores biométricos e softwares de segurança.

Um time de engenheiros altamente preparados vêm desenvolvendo as smartlocks da Control iD, que terão a marca da empresa: funcionalidade, bom preço, segurança e design arrojado. Quando as fechaduras eletrônicas estiverem disponíveis – uma das primeiras com o selo 100% nacional – você ficará por dentro aqui no blog!

Comentários

Cadastre-se e receba nossas novidades